#Resenha: Uma Curva na Estrada

20 março 2014



Autor: Nicholas Sparks
Ano: 2013
Editora: Arqueiro

Miles Ryan e Missy se conheceram no Ensino Médio, ela era a garota mais popular e bonita da escola, e ele, um jogador de basquete. É realmente muito difícil encontrar o amor verdadeiro tão cedo, praticamente impossível, mas foi isso o que aconteceu com eles: eles se casaram e tiveram um filho chamado Jonah.
Infelizmente, um dia, o casal teve uma discussão e Missy saíra para dar sua corrida diária. Quando ela estava correndo, acabou sendo atropelada por um carro que estava passando pela curva naquela estrada, e morreu. O motorista fugiu, e por algum motivo, deixou um manto cobrindo seu corpo como se quisesse pedir desculpas à alguém.
Miles trabalhava na polícia, e junto a seu amigo, o delegado Charlie, fez de tudo para encontrar o responsável pela morte de sua esposa, prometendo a si mesmo que o criminoso pagaria bem caro pelo que fez. Porém, ele não conseguiu e passou dois anos de sua vida em plena depressão por causa disso.
Sarah Andrews era uma professora do primário que possuía mais ou menos a mesma idade que ele, ela se mudara para New Bern na decisão de mudar de ares após seu divórcio avassalador. 
Eles se conhecem através de Jonah, o garoto estava na segunda série e enfrentava dificuldades para aprender as matérias, e por causa da morte de sua mãe, os professores acabavam passando a mão na cabeça dele e aprovando-o sem merecimento. Mas Sarah estava disposta a ajudá-lo a melhorar suas notas e a aprender, por isso chamou o pai do garoto para uma conversa em particular.
Com o passar de dois meses, eles foram conversando, saindo juntos e apaixonando-se um pelo outro, sem saber que um segredo aproximava os dois e que esse segredo poderia impedí-los de viverem felizes juntos.
Quando compramos um livro de romance, acabamos sempre cometendo o erro de achar que a história pode vir a ser melosa e cansativa, mas nem sempre é o que acontece. Às vezes a leitura pode nos surpreender, e Sparks é expert quando se trata de mistério e supresas.
À medida que a leitura vai passando, você vai se infiltrando na história, e investigando junto com Miles Ryan quem estaria por trás da morte de sua querida esposa Missy. Mesclada com a história de Miles e Sarah você encontrará a versão do assassino, mostrando que o crime foi um completo acidente. 
Não tenha tanta certeza das decisões que irá tomar enquanto folheia às páginas, quanto ao segredo e quanto ao assassino, pois quando você menos esperar irá se deparar com um fato que contradiz tudo o que você pensou até então.
Como sempre, Nicholas possui o costume de detalhar bem a paisagem e as vestimentas de seus personagens, carregando um pouco menos na hora de expressar os sentimentos dos mesmos. 
Uma Curva na Estrada é um livro ótimo para aqueles que gostam de tentar resolver mistérios enquanto lê, pensando e raciocinando junto com os personagens (ou nem tão junto).


Nenhum comentário:

Postar um comentário

E então, o que achou do post? Gostou? Odiou? Achou uma bosta e tá a fim de me mandar pra puta que pariu, e dizer que eu sou uma escrota? Fala aí!