18 Coisas Antes dos 18

28 agosto 2014


Esses dias eu tava lendo o blog de uma garota (não lembro qual), e vi o seguinte post: 18 Coisas antes dos 18. Que no caso dela, eram 18 coisas que ela queria realizar antes de fazer 18 anos. E eram tipo, coisas absurdas: fazer intercâmbio, viajar pra Paris, conhecer sei lá, o sul da Califórnia... minha filha, lamento estragar teus sonhos coloridos, mas o máximo que você vai conhecer até os 18 anos são os mais diversos museus que a sua escola vai te levar "a passeio" valendo nota.
Também me fez lembrar daquelas pessoas que acham que, ao completar 18, a vida vai dar um giro de 180º:

23: 59 (17 anos): ai, socorro, minha vida é uma merda =(
00:00 (18 anos): AEEE, 18 ANOS, AGORA EU SOU MADURO, SOU VACINADO, SOU ADULTO, SOU DE MAIOR...
00:01 (18 anos): Mas pera '-' Cadê minha mansão em Los Angeles? Cadê meu carro, cadê meu emprego novo, cadê os treco tudo?

Sinto muito, mas isso aqui não é a Disney e a sua fada madrinha não vai surgir do além a fim de realizar todos os seus desejos. Se você quer algo, vai ter que correr atrás.
Bom, agora que eu já introduzi o assunto, já enrolei legal, bora destruir os sonhos da garotinha de 15 anos que acha que a vida é um American Pie (ou não, né, tem coisas que acontecem antes dos 18 que são  até boas, digamos).

1 :  A primeira espinha a gente nunca esquece... nunca, sério mesmo. A minha nem foi grande coisa, porque na minha família ninguém tem, e o máximo que eu tive foi uma bolinha branca num canto secreto da minha testa. E ela tá aqui até hoje. Awwn, nunca me abandonou... fidelidade é tudo. s2

2 : E a primeira menstruação? Xééssuis, um mar vermelho a caminho, a minha tardou mas não falhou: fez eu esperar até os 15, mas quando veio, veio com tudo e mais um pouco. Ô tristeza, viu?

3 : A primeira melhor amiga... algumas pessoas conhecem-nas desde criança, só de brincar na rua. Outras, conhecem na escola. E em casos mais raros, na internet (tipo eu s2).

4 O primeiro beijo. Não sei como que não foi em primeiro lugar, mas não dá pra deixar de mencionar o primeiro beijo. A maioria sempre sonha em beijos dignos de cenas de cinema, com o garoto que elas gostam, etc, mas nem sempre isso acontece: o meu foi em uma festa mesmo, e nem criei muita expetativa. Mas foi bom até, rs.

5 :O primeiro amor... ah, o amor. Aquela expetativa de "será que ele vai me ligar" e de "chamo no Face ou não chamo" (não chama, seja difícil u.u), aquela mania de pensar nele antes de dormir, na hora de acordar, na hora de comer... não. Na hora de comer não porque fica estranho, já partiu pro lado do canibalismo, comer pensando nele (e aposto que muitos nem pensaram em canibalismo, né? Pensaram logo na malícia... muito feio isso, desaprovo u.u).


6 : Com o primeiro amor vem o que? A primeira decepção, porque né? Sejamos realistas: ninguém namora até hoje com o primeiro amor, isso se chegou a namorar ele, porque primeiro amor nem sempre é sinônimo de primeiro namorado. Às vezes era só um amor platônico que a garota alimentou demais e depois tomou no... orifício anal (porque que cês implicam com palavrão em blog? Fala em caralho o dia todo, mas não pode ler a palavra "caralho"? Na próxima eu falo cu mesmo u.u).

7 : Brigas, brigas e mais brigas. Mil vezes brigas. A partir do momento no qual você entra na puberdade, os seus hormônios estão a mil, então você vai fazer drama por absolutamente tudo. E vai se irritar com facilidade também. E é briga com a melhor amiga, é briga com o namorado, é briga com a família... principalmente com a mãe, ou com o pai.

8 Rompimentos. Relacionamentos nunca duram pra sempre, então até fazer 18 anos você vai se afastar de muitas pessoas que você jurava que iam ficar na sua vida pra sempre (e sim, você vai sofrer por isso). Você leva pé na bunda, dá pé na bunda, é abandonada por uma amiga, depois termina com outra, enfim... acontece com todo mundo, de maneiras variadas.

9 Insegurança: você olha no espelho e seu cabelo tá uma merda, sua cara tá uma merda, suas roupas parecem ficar horríveis em você, seu nariz é muito grande, você percebe que tem muitas sardas ou seja lá o que for... você implica consigo mesma até a morte (eu vivo em um relação de amor e ódio com o meu cabelo desde que o mundo é mundo: é entre tapas e beijos).

10 Você vai passar por um período infernal de crise, cheio de lágrimas, derrotas, tristeza, decepções, frustrações, rejeições... vai viver uma história horrível que você nunca vai querer contar pra ninguém porque só de lembrar, já te dá arrepios. Mas no final você vai ficar mais forte, mais experiente e mais esperta também (só não vale achar que já é adulta, hein? Todos passam por isso, você não é única então não se sinta superior por ter sobrevivido à sua fase difícil).

11 A primeira festa. Mas festa, festa mesmo, e não aquelas festinhas de aniversário (jura?). Duvido que você vá esquecer a primeira balada que você frequentou (eu no caso nunca fui muito de ir em balada, no máximo eu fui na Embaixada do Rock da minha cidade, que é mais um tipo de bar, digamos).

12 E a primeira transa também, que eu poderia ter mencionado logo após o primeiro beijo mas não mencionei não sei porquê. Só sei que é difícil encontrar alguém que tenha 18 anos e seja virgem, mas se você é, não se acanhe: você é uma raridade, então se valorize porque a sua hora vai chegar, mas tem que ser com uma pessoa decente, né? Faz favor de arrancar esse teu dedinho podre e substituir por outro...

13 Quantas cagadas você não deve ter feito até os 18 anos, né? Matar aula, ser pega colando na prova, cair em público, responder um "oi" que não era pra você, tropeçar perto da pessoa que você gosta (ou pior: peidar/arrotar)... algum mico você já deve ter pagado. Eu no caso já paguei tanto, que o miquinho chega a estar milionário, aquele desgraçado.

14 Você conquista seu primeiro emprego, faz estágio, ganha seu próprio dinheiro, compra coisas que você queria, sai com mais frequência...

15 ♥  Também tem a festa de 15 anos, né? Aquele vestidão longo, a valsa, a festa, os presentes, a comida, as filmagens, o dvd pra olhar todos os dias pro resto do ano... eu no caso, não fiz porque meus pais não tinham dinheiro, mas claro que eu já fui em festas alheias e aproveitei ao máximo.

16 ♥ A viagem. Não uma viagem, mas "a", viagem, se é que você me entende. Sei que pelo simples fato de ser brasileira você provavelmente não nasceu rica, mas sempre vai ter aquela viagem que vai ficar na sua cabeça para sempre, muitas vezes não por causa do destino, mas por causa das pessoas que estavam com você e pelas risadas que você deu, pelo carinho que você recebeu e ofereceu.

17 ♥ Até os dezoito anos algumas pessoas descobrem umas paixões que vão ensinar coisas muito boas, não necessariamente envolvendo relacionamentos, mas sim, talentos: canto, dança, desenho, escrita, atuação... enquanto algumas quebram a cabeça sem saber o que fazer da vida, outras já sabem bem o que querem porque o seu sonho existe há um certo tempo.

18 ♥ Tchaau Ensino Médio! Ok, não é certo que você vá se formar antes dos 18, a não ser que você tenha começado a pré-escola com 5 anos e não tenha repetido nenhuma vez, você vai demorar um pouquinho mais que isso. Mas pode ter certeza: a formatura vai ser inesquecível, não importa quantos anos você tenha.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

E então, o que achou do post? Gostou? Odiou? Achou uma bosta e tá a fim de me mandar pra puta que pariu, e dizer que eu sou uma escrota? Fala aí!