This is How we Do!

21 agosto 2014




Vocês devem estar estranhando o fato de eu comentar um clipe musical e ainda por cima, estar comentando um clipe pop, todo coloridinho sendo que eu sempre digo que detesto coisas coloridas, né? Sem falar naquelas pessoas que ainda acham que eu só ouço Rock...
O rock é meu xodó sim, vocês sabem disso, mas o pop entrou para o meu ranking, ocupando o 2º lugar. 
E essa música foi criada para provar isso de uma vez por todas, gente do céu... o que que é isso! ♥
Eu vi o clipe em um blog faz um tempo, e curiosamente a blogueira também estava falando só sobre ele. Acontece que eu me apaixonei e não resisti: vou ter que falar do clipe também!

"This is how we do do, this is how we do lesrbrusslinkedoingllaike that this is how we do, do do do do, this is how we dooo... ♪" Essa sou eu cantando o refrão, hahaha!

O ritmo da música é muito bom, dá vontade de ficar rebolando enquanto eu canto o refrão junto (imagina que cena linda, fazer isso na rua? =P). Eu fiquei viciada nessa música, e apesar de não ser muito fã de coisas fofinhas e coloridinhas, eu acho que dessa vez posso abrir uma exceção... esse clipe ficou muito lindinho, gente! ♥ E os cabelos dela? Meu Deus, só faltava eu imprimir a imagem do post, pegar a carteira, ir pro salão e dizer: "olha, eu quero que ele fique assim", shuashuashua. 
Confesso que eu tenho um certo fetiche por cabelos coloridos, já quis pintar o meu de ruivo acaju, ruivo alaranjado (aquele que parece natural, sabe?), azul, roxo, e até lilás em degradê para o branco! Esse meu conflito com overdose de cores não se aplica ao cabelo (mais ou menos, eu não faria aqueles arco-íris no meu cabelo, muito menos pintaria de rosa). Mas a minha necessidade de me manter em um emprego fez com que eu mantesse meus fios na cor natural. 
 Felizmente, prefiro roupas em tons mais discretos: preto, branco, nude, cinza, marrom... e gosto por exemplo, de usar uma legging verde, mas usar blusa preta e all star preto pra equilibrar. 
E agora, sem mais delongas, vamos ao clipe:


E o docinho funkeiro? Hahaha! Esse clipe me fez ficar morrendo de vontade de aprender a editar mais, não só fazer aquelas ilustrações ultrafofas, mas também a fazer aqueles efeitos (tipo as pessoas pulando lentamente no ar que apareceram a cada 20 segundos, sei lá).
E aí, gostaram do clipe tanto quanto eu? Comentem ^  ^



Nenhum comentário:

Postar um comentário

E então, o que achou do post? Gostou? Odiou? Achou uma bosta e tá a fim de me mandar pra puta que pariu, e dizer que eu sou uma escrota? Fala aí!