Favoritas do Momento ♥ | Momento Retrospectiva

30 dezembro 2014



Até que enfim tá acabando o ano! o/ Sabe aquelas pessoas que sempre dizem "nossa, como o ano passou rápido"? Então, eu definitivamente não sou uma delas. Pra mim todos os anos são insuportavelmente longos, e quando terminam parece mais que passou uma década.
Eu tô falando sério, e não é meu lado pessimista fazendo xablau. 
Sempre que eu vejo aqueles vídeos de retrospectiva acabo me deparando com uma notícia e penso: "sério? Foi esse ano? Meu Deus, parece que fazem dez anos que isso aconteceu!". 
Querem um exemplo? A mania do jogo Flappy Bird foi em fevereiro desse ano. Conhecido também como: ameaça illuminati, artefato do inferno e jogo do demônio. Pois é.
Pra mim parece que faz uns duzentos anos que meus parentes nocautearam o Brasil com 7x1 (pois é, e eu ri pra caralho disso, não torci contra o Brasil nem nada, mas como sou descendente de alemã... risos hahaha).
Aviões sumiram, tigres engoliram braços, a Giovana derrubou o forninho (ok, esse é mais recente). E a cagada da Avril que resolveu cobrar pra tirar foto com os fãs? Xéssuis, por um momento eu achei que tinha sido ano passado!

Pois é, final de ano é uma viagem. Se eu faço lista de expectativas? Bom, eu fazia mas não levava muito a sério, esse ano vou tentar realmente planejar e trabalhar nelas. Vamos ver se meu plano de listas mensais (veja o post aqui) vai dar certo.
Não estava muito a fim de fazer retrospectiva, mas vou citar alguns momentos legais desse ano (pera, deixa eu pensar...):



1 Meu Primeiro Anime Extreme em Outubro (não rolou post porque as fotos ficaram um cu, mas vou tentar caprichar mais em maio do ano que vem).
2 Minha parenta criou um blog recentemente, e eu fiquei tipo: NÃÃO, SÉRIO? *O* *--* Haha. Veja o blog da minha melhor amiga aqui.
3 Me estabilizei no meu emprego, ok, não tenho taaanto tempo assim de empresa (8 meses em janeiro), mas fico feliz em saber que ainda agrado a chefia, hehehe... (se vocês soubessem a luta que foi pra eu achar emprego, entenderiam como isso veio parar na lista).
4 Fiz o Enem, e ainda nem sei se passei (não quis ver o gabarito, prefiro me frustrar só na hora de ver a nota online mesmo), mas fiz e me diverti com as pérolas no Face.
5 Passei o ano inteirinho sem namorar ninguém, e não me arrependo. Provei a mim mesma que sim, é possível ser feliz sozinha, sem estar apegada a ninguém. Pretendo ficar solteira o máximo de tempo possível, fazer meus cursos, trabalhar e conseguir ao menos entrar na faculdade. A não ser que apareça um ser milagroso pra entender certas coisas além dessas, eu não vou me entregar pra ninguém tão cedo. 
Comprei várias coisas que eu queria e pretendo continuar conseguindo o que eu quero, cronometradamente. 
7Me formei no Ensino Médio, e senti um alívio do caralho. Nossa, nem acredito que essa merda terminou, foi tipo: WEEE ARE THE CHAMPIOONS MY FRIEEEEND o/ - Resolvi deixar o melhor por último, hehehe

Expetativas pro ano que vem? Não é da sua conta (brincadeira, kkkk). Mas é sério, acho que pelo menos isso deve ser mantido como algo pessoal. 
E agora, sem mais delongas, vou mostrar uma playlist com as músicas que eu mais tenho ouvido ultimamente. Sim, tem mistura de Rock com Pop, sim, eu sei que algumas pessoas acham estranho, e não, eu não dou a mínima pra isso. Uma decisão legal que eu tomei é: eu posso ser quem eu quiser, ouvir o que eu quiser, vestir o que eu quiser, fazer da minha vida o que eu quiser, e não é nenhum idiota que vai impedir isso.

♥ Ah, detalhe adicional: a minha música favorita por enquanto é: All About the Bass. Por um tempo vai ser essa porque cara: brigada, Meghan, por explicar que não tem problema nenhum ser gorda! Já fiz até post sobre ela (veja ele aqui), e vou repetir: já aconteceu de eu estar no banheiro da escola, e uma garota ao meu lado olhar pra mim, depois olhar pro espelho e dizer que queria ser magra. Na época eu tinha um puto complexo com meu corpo, detestava parecer um esqueleto. Eu pensava: "Na boa? Você não sabe o que tá dizendo. Nada como ser chamada de palito de picolé ou girafa, né? Pois é ¬¬". Essa música me ofereceu um material pra me preparar pra próxima, e ainda me ajudou a declarar "o" foda-se pro fato de eu ser magra. Mesmo a letra dizendo "não sou uma vara pau, Barbie siliconada", gosto de me concentrar no lado positivo, de auto estima e tudo o mais.

Eu vejo aquelas revistas trabalhando no Photoshop, nós sabemos que essa merda não é real. Vamos lá, faça isso parar! -Meghan Trainor


Nenhum comentário:

Postar um comentário

E então, o que achou do post? Gostou? Odiou? Achou uma bosta e tá a fim de me mandar pra puta que pariu, e dizer que eu sou uma escrota? Fala aí!